18/06/2017

Luto




4 comentários:

  1. UM HORROR...

    Um horror, uma tragédia que dificilmente algum dia esqueceremos.
    E se alguma lição se possa tirar desta tragédia, que sirva para que de uma vez por todas os maus políticos que nos tem governado se deixem de anúncios e intenções fantásticos, e façam o que devem para que tragédias destas não voltem a acontecer!
    Que se deixem de folclore e trabalhem realmente e de uma vez por todas com seriedade.

    OS QUE PARTIRAM NESTA TRAGÉDIA DESTA FORMA TÃO TERRÍVEL, MERECEM.

    Foi impressionante, a ligeireza e o optimismo patético, com que o PR tratou este terrível caso logo que chegou ao local!!
    Ainda não se imaginava as proporções desta tragédia, não se sabia nem se podia saber se o que estava sendo feito era o adequado, devido ás proporções da tragédia, e logo Marcelo se apressou dizendo que tudo que estava sendo feito era o que tinha que ser feito e sem defeito!!??
    Estava protegendo quem??
    Assim não, Presidente.., assim é demais e ridículo!
    E não fui só eu que achou isto demasiado, não..., ouvi alguém nessa noite e que dirige o " Expresso", fazer uma alusão a essa intervenção.
    É triste, e lamentável, que em momentos destes tão terríveis, o PR se preocupe com política.
    Muito melhor esteve o PM, Costa.

    Hercília Oliveira

    ResponderEliminar
  2. HÓ Hercília... e a visita ao Luxemburgo ???

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem razão Nelson...
      Mas uma coisa é ser optimista irritante, e por vezes até humorista, outra coisa é ter o comportamento lamentável que teve naquela noite e pelos motivos que foi: "dar colinho ao governo!"
      Foi tão lamentável, que depois se sentiu na obrigação de vir com explicações!
      Como que tenha explicação possível...

      Hercília Oliveira

      Eliminar
    2. Oh srª D Hercília! É tão fácil fazer demagogia ... Está a insinuar o quê acerca do PR?... O fanatismo é uma grande cegueira. A srª não acha?!...

      Eliminar